Taverna /dev/All

GraalVM - realmente vale à pena?

image

Ano passado a Oracle lançou o projeto GraalVM: a ideia consiste em aumentar o desempenho (principalmente o de inicialização pelo que pude ver) de aplicações escritas em diversas outras plataformas, tais como Node, Java, Python, Ruby, R (e outras) a partir da disponibilização de uma VM, similar à ideia que temos no Java com sua JVM.

Dentre as promessas pelo que pude ver está inclusive a redução do consumo de memória. Vou começar algumas experiências com esta tecnologia (o que com certeza gerará artigos para a Revista do /dev/All), porém, em paralelo, gostaria de saber das experiências de vocês.

Alguém aqui já experimentou? O que acharam? Valeu à pena? Cumpriu o que prometeu mesmo?

Aos interessados, segue o link para o projeto: https://www.graalvm.org/

1 Curtida

Eu usei na minha ide e não vi nenhuma diferença .
Mais tem um palestra do Elder Moraes sobre isso :

pode ser que ajude a entender melhor para quem não conhece .

1 Curtida

uma bela apresentação, valeu!

Pra mim os grandes ganhos são comunicação nativa com o SO e a quantidade de linguagens que suporta.

mas você já experimentou estes ganhos?

Sim, fiz testes utilizando um programinha para leitura de XML’s! No meu programinha o tempo de inicialização foi menor (não que ele demorasse para iniciar) e o consumo de memória também, mas nada absurdo.

Acredito que pra contextos em que qualquer tempo que se ganhe é importante irá valer a pena, só acho que ainda não está pronto para produção.

1 Curtida

itexto